SUPLEMENTOS PARA CELULITE E ESTRIAS

SUPLEMENTOS PARA CELULITE E ESTRIAS

Celulite é a aparência irregular da pele provocada por bolsas de gordura que se acumulam em certas áreas do corpo, incluindo as nádegas e coxas. Muitos produtos se orgulham de redução de celulite, mas você pode ajudar a afastar esses depósitos de gordura, aumentando a ingestão de certas vitaminas. Embora as vitaminas não possam livrar completamente o corpo da celulite, elas podem ajudar a combatê-lo e reduzir sua aparência.

A celulite é um fato da vida da maioria das mulheres. Causada por depósitos de gordura subjacentes que empurram através de camadas de fibras de Colágeno, não há nada de ruim ou errado em ter celulite e não há razão para você se sentir obrigado a se livrar dela.

Mas se você está preocupado com o aparecimento de celulite em suas coxas, quadris, butticks ou em outro lugar. Existem quatro suplementos para celulite que poderiam fazer o truque.

Saiba mais: Estrifree

SUPLEMENTOS VITAMÍNICOS PARA CELULITE
A vitamina A é solúvel em gordura e é um bom redutor de celulite porque aumenta a produção de colágeno, uma proteína que dá força e estrutura à sua pele. Também ajuda a incentivar a produção de células no seu corpo. Você pode tomar vitamina A em um suplemento, ou você pode encontrá-lo em frutas e legumes, como cenoura, abóbora, melão, couve e espinafre. Também é encontrado em carnes, como carne bovina e fígado, e laticínios, como ovos e leite.

A vitamina C é usada na redução da celulite devido ao seu papel necessário na produção de colágeno e sua capacidade de ajudar a reparar as células vermelhas do sangue. Também é um antioxidante, mantendo as células da pele protegidas contra danos. Pelas mesmas razões, a vitamina c também pode ajudar a afastar suas rugas. Você pode obter vitamina c em um suplemento ou de muitas frutas e legumes, incluindo laranjas, pimentões vermelhos e verdes, kiwi e morangos.

As vitaminas do complexo B, que compreendem 10 vitaminas e ácidos separados, trabalham em conjunto para promover as células sanguíneas saudáveis ​​e a atividade dos tecidos. As vitaminas do complexo B mais conhecidas pelas suas propriedades de combate à celulite são a vitamina B2, que ajuda na oxidação do tecido, e a vitamina B6, que ajuda na utilização de proteínas e gorduras. A vitamina b2 é encontrada em alimentos como queijo cottage, vegetais de folhas verdes, fígado, ovos e ervilhas, enquanto a vitamina B6 é encontrada no melaço, leite e fígado. Para todas as vitaminas do complexo B, experimente o germe de trigo. Você também pode tomar vitaminas do complexo B em um suplemento.

A vitamina E solúvel em gordura ajuda a combater a celulite devido às suas propriedades antioxidantes. A vitamina e também ajuda o corpo a obter oxigênio para as camadas da pele, permitindo a descarga de gordura que causa a celulite. A vitamina e pode ser um dos principais ingredientes em cremes para a pele, mas você pode obtê-lo de um suplemento ou de alimentos como salmão, azeitonas e vegetais de folhas verdes.

Não há cura milagrosa para a celulite, mas suplementos como Óleo de peixe podem ajudar. O Óleo de peixe contém ácidos graxos ômega-3, que podem ajudar na circulação, reduzir a pressão alta e baixar o colesterol. Todos esses benefícios mantêm as paredes celulares da sua pele mais saudáveis. E quanto mais saudáveis ​​forem as paredes celulares, menor a probabilidade de desenvolver celulite.

A erva gotu kola é frequentemente usada na medicina herbal como um tratamento para a celulite e flacidez da pele. Em estudos, alguns participantes relataram ter visto melhorias em sua pele, incluindo celulite e estrias. É importante ter em mente que existem alguns efeitos colaterais associados a este suplemento que incluem náusea, tontura, dor de cabeça e sonolência.

SUPLEMENTOS PARA ESTRIA
Estrias – Os suplementos de flexibilidade da articulação contêm glucosamina, condroitina e metilsulfonilmetano, ou MSM. A Glucosamina é essencial para a construção de tendões, ligamentos, cartilagem e fluido de amortecimento em torno das articulações. A condroitina ajuda a manter a cartilagem saudável, enquanto a MSM pode inibir a degeneração articular.

Estudos mostram que a glucosamina é especialmente eficaz para aliviar a dor nas articulações e os sintomas da osteoartrite. Pode também impedir a degeneração do colágeno e melhorar a amplitude de movimento.

O exercício para construir e alongar os músculos também ajuda as articulações, porque os músculos suportam o movimento das articulações. Seus músculos dependem de diferentes nutrientes para força e flexibilidade, no entanto.

Cerca de 15 por cento de um músculo esquelético é constituído pelos tecidos conjuntivos colágeno e elastina, relata a cinética humana. O colágeno é bastante forte, enquanto a elastina fornece a elasticidade necessária para a flexibilidade. A vitamina c é um dos nutrientes mais importantes para a síntese de colágeno e elastina porque seu corpo não pode produzi-los sem ela.

Seus suplementos também devem conter cobre porque funciona com vitamina c para produzir elastina. A vitamina A, zinco e ferro são nutrientes adicionais necessários para o colágeno.

A proteína é essencial para construir e reparar músculos e tecidos conjuntivos. A maioria das pessoas pode obter toda a proteína de que necessita através de uma dieta equilibrada, mas se você usar suplementos de proteína, considere a compra de uma proteína em pó que também contenha as vitaminas e minerais que a sustentam.

Seu corpo precisa de manganês para sintetizar cartilagem e colágeno saudáveis. Este mineral também serve como um antioxidante que estimula o sistema imunológico.

Os ácidos graxos ômega-3 encontrados no Óleo de peixe são bem conhecidos por seus benefícios cardiovasculares, mas também promovem a síntese protéica nos músculos, de acordo com um estudo da Clinical Science em novembro de 2012. Neste papel eles podem ajudar a manter o tônus ​​muscular e a flexibilidade .

Esteja ciente de que a condroitina e a glucosamina podem aumentar o risco de sangramento se você tomar suplementos em grandes doses. As mulheres grávidas devem evitar a condroitina e a glucosamina, porque são necessárias mais pesquisas para provar que são 100% seguras.

A glucosamina é frequentemente feita a partir de marisco. Se você é alérgico ao marisco, verifique o rótulo para ter certeza de que o produto é seguro para você.

O zinco, ferro e vitamina A na forma de retinol podem se tornar tóxicos em grandes quantidades. A sua ingestão diária total de alimentos e suplementos não deve exceder 100 por cento do valor diário, a menos que o seu prestador de cuidados de saúde o aconselhe a receber mais.

Se você tomar algum tipo de medicamento de prescrição para celulite e estrias, converse com seu médico para ter certeza de que ele não irá interagir com os suplementos.

ÓLEOS CORPORAIS PARA USAR NO BANHO

ÓLEOS CORPORAIS PARA USAR NO BANHO

Não faz muito tempo que eu comecei a usar óleos para hidratar o corpo. Na verdade, eu demorei pra colocar o produto na minha rotina por acreditar em alguns mitos sobre ele. Foi só depois de ler uma matéria mais completa sobre óleos corporais que eu decidi dar uma chance pra eles.

Leia também: Óleo de Argan como usar

Claro que não demorou muito pra eu me apaixonar e ficar totalmente dependente desse produtinho milagroso. Hoje eu não posso mais negar seus benefícios: ele realmente deixa a pele mais macia, iluminada, com toque aveludado e um perfume super gostoso que dura o dia inteiro. Como não amar?

Além do tradicional óleo corporal também as versões para banho que são muuuuuuuito mais práticas! É só passar em todo o corpo quando a pele estiver molhada, deixar ele agir na pele uns minutinhos, enxaguar e depois se secar com a toalha. O resultado vocês sente na hora!

Fiz uma listinha com os meus favoritos pra você experimentar também. Olha só:

Óleo Corporal Carmelito – O Boticário
o-boticario-carmelito_oleo-corporal-bifasico
“Contendo caramelo em sua fórmula, o óleo corporal é super prático e hidrata durante o banho. Bifásico ele hidrata por até 48 horas e deixa sua pele perfumada na medida com aquele cheiro docinho que você adora.” Compre aqui

Óleo Corporal Bifásico Bromélia – L’Occitane Au Brésil
loccitane-au-bresil-bromelia
“O Óleo Bifásico Bromélia desodoriza a pele, deixando-a levemente perfumada com uma radiante fragrância floral. Suas propriedades suavizantes e hidratantes proporcionam maciez e conforto para a pele, sem toque pegajoso.” Compre aqui

Óleo Hidratante Lichia – O Boticário
o-boticario-lichia_oleo-hidratante
“Tem um jeito supergostoso de hidratar e ao mesmo tempo proteger a sua pele: fazendo um tratamento diário no banho. Com os óleos hidratantes e perfumados da linha Nativa SPA, aquele momento de relaxamento vai renovar a sua pele. Criando uma camada protetora por todo o seu corpo, o óleo exótico de lichia ajuda a combater o envelhecimento e ainda espalha o delicioso aroma dessa fruta. Deixe seu corpo sentir esse prazer todo dia.” Compre aqui

Óleo de Banho Hidratante Amande – L’Occitane
o-boticario-amande-shower-oil
“Em contato com a água transforma-se em uma espuma leve e cremosa – uma textura original e única – que deixa a pele macia e acetinada. Rico em óleo de Amêndoa e óleo de semente de uva deixa a pele suave e hidratada. Limpa suavemente e deixa um perfume delicado.” Compre aqui

Óleo de banho Peach Skin – The Beauty Box
the-beauty-box-peach-skin
“O Óleo de Banho Peach Skin Bombom de Baunilha, da Produtinhos da Beauty, hidrata a sua pele durante o banho e tem um blend de óleos que deixa a sua pele macia e aveludada como um pêssego. Além disso, tem emolientes que fecham os poros, evitando a desidratação. Ah, e tem o delicioso cheirinho doce e confortável de bombom de baunilha.” Compre aqui

Como Fazer Máscaras Faciais Naturais

Como Fazer Máscaras Faciais Naturais

Neste Artigo:Máscara facial de OvoMáscaras Faciais de FrutasMáscaras faciais de VegetaisMáscaras faciais doces

Você está cansada de comprar produtos caros que deixam sua pele ainda pior?Abaixo serão mostradas 11 máscaras faciais que provavelmente podem ser feitas com ingredientes da sua casa. Elas são todas naturais e a melhor parte é que funcionam.

Leia também: Máscara Preta o que é

Método
1
Máscara facial de Ovo
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 1
1
Faça uma máscara facial de ovo. A clara do ovo comprime os poros, dando um efeito de lifting facial temporário, assim como o limão que tem vitamina C remove cravos e outras manchas.
Bata uma clara de ovo com um garfo até que ela fique espumosa.
Coloque algumas gotas de suco de limão e aplique na face até secar. Estará seco quando você sentir dificuldade para sorrir.
No final enxágue a máscara.
Método
2

Leia também: Máscara Preta pra que serve

Faça uma máscara com tomates. Os tomates contém licopeno, que desacelera o envelhecimento da pele.[citação necessária]
Coloque uma colher cheia de açúcar cristal em um prato.
Cubra com açúcar um lado de uma fatia de 60 m de tomate.
Esfregue o tomate na cara e deixe por aproximadamente 10 minutos e enxágue. Sinta-se livre para comer o tomate.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 2
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 3
2
Faça uma máscara facial de morango. Os morangos contém hidroxiácido que limpa as células mortas da pele, e ácido salicílico que eliminar o excesso de oleosidade que causa entupimento de poros.[citação necessária]
Corte um morango grande no meio.
Esfregue na cara.
Deixe por 5 minutos.
Enxágue.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 4
3
Faça uma máscara de pomelo. Os ácidos do pomelo impulsionam a renovação celular, deixando você com a pele fresca, e a vitamina C aumenta o colágeno, deixando sua pele com uma aparência mais macia.[citação necessária]
Misture o suco de 1 pomelo com açúcar o bastante para fazer uma pasta.
Aplique no rosto úmido no chuveiro.
Deixe por apenas 1 minuto.
Enxágue completamente.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 6
4
Faça uma máscara facial com abacate e hamamélis. O abacate tem vitamina E que é perfeita para peles secas, e o hamamélis remove o excesso de oleosidade assim como as impurezas.
Amasse a polpa de um abacate.
Misture algumas gotas de hamamélis.
Deixe no rosto por 5 minutos.
Enxágue.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 9
5
Faça uma máscara facial com pêssego e aveia. Assim como o morango, o pêssego contém hidroxiácido, e a aveia amacia e acalma a pele seca.
Amasse um pêssego maduro junto com uma colher de sopa de aveia e mel.
Aplique por 10 minutos.
Enxágue.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 11
6
Faça uma máscara facial de banana. As bananas tem ácidos naturais da fruta que acabam com a pele seca.
Amasse uma banana madura com 2 colheres de sopa de iogurte.
Aplique por 15 minutos.
Enxágue.
Método
3
Máscaras faciais de Vegetais
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 7
1
Faça uma máscara facial com abóbora e mamão. A abóbora é cheia de antioxidantes. Já o mamão contém uma enzima que remove oleosidade e a pele morta.
Misture um copo de abóbora amassada com 2/9 copos de mamão amassado.
Aplique no rosto limpo e seco.
Deixe na pele por cerca de 10 minutos.
Enxágue.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 10
2
Faça uma máscara facial de pepino. O pepino contém propriedades de resfriamento que reduzem a vermelhidão, inchaço e inflamação; é por isso que é recomendado colocar pepinos em olhos inchados.
Bata meio pepino com uma colher de sopa de iogurte no liquidificador.
Aplique por 20 minutos.
Enxágue.
Método
4
Máscaras faciais doces
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 5
1
Faça uma máscara facial com açúcar mascavo e leite. O açúcar mascavo é um esfoliante natural que remove a pele morta, e o leite limpa a pele. Misture 1 copo de açúcar mascavo com 1 colher de sopa de leite. Esfregue no rosto por 60 segundos e deixe por 15 minutos. Enxágue.
Imagem intitulada Make All Natural Face Masks Step 8
2
Faça uma máscara facial de iogurte e mel. O mel amacia e umedece a pele seca, e o iogurte tem ácido lático que rejuvenesce a aparência.
Coloque uma colher de chá de mel para 2 colheres de sopa de mel. Coloque no micro-ondas por 15 segundos para derreter o mel um pouco (opcional).
Aplique por 10-15 minutos.
Enxágue.
Imagem intitulada Make a Basic Homemade Facial Scrub Step 13
3
Faça uma máscara facial com mel e azeite de oliva. Isso ajuda na diminuição de acne e manchas, além de clarear a pele.[citação necessária]
Misture 1 colher de chá de mel e uma colher de chá de óleo. Aqueça no micro-ondas por 10 segundos.
Aplique a pasta no rosto e deixe por 10 minutos.
Enxágue.
Dicas
Coloque fatias de pepino nos olhos para reduzir bolsas enquanto espera o tempo da máscara acabar.
Se não tiver mamão, não se preocupe. Abacaxi funciona tão bem quanto.
Você está sem pêssego? Ameixas e nectarinas também tem hidroxiácido..
Coloque sachês de chá debaixo dos olhos para reduzir as bolsas do olhos.
Você não precisa fazer todos os passos. Escolha apenas um, mas certifique-se de escolher de acordo com o seu tipo de pele.
Os benefícios das máscaras são temporários. Se você fizer uma máscara que remova o excesso de oleosidade, a oleosidade voltará.
Avisos
Se você reagir a qualquer um dos ingredientes, não use-o. Ele pode irritar sua pele e causar acne.
Tente evitar a área do olho.
Apenas use máscaras compatíveis com o tipo da sua pele. Se você tiver a pele seca e usar uma máscara de ovo, sua pele vai ficar ainda mais seca.
Não misture várias máscaras para fazer uma “super máscara” – um ingrediente pode anular os benefícios do outro.

Suplementação de colágeno funciona?

Suplementos com colágeno funcionam? Especialistas respondem. Confira!

O colágeno responde por quase ¼ de toda proteína em nosso corpo. Com função primordialmente estrutural, proporciona sustentação às células, mantendo-as unidas em diversos tipos de órgãos e tecidos como pele, ossos, cartilagens, ligamentos, tendões e artérias.
“O colágeno hidrolisado é um ingrediente que vem sendo avaliado em estudos sobre benefícios para a pele e saúde das articulações. Temos observado resultados positivos com um consumo entre 8 a 10g de colágeno ao dia. Não é um modismo, mas as pessoas precisam ficar atentas, pois muitos produtos tem baixa dosagem”, diz a nutricionaista Jocelem Mastrodi Salgado, professora da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), na USP.


Leia também: Skin renov Anvisa
A suplementação visa estimular a produção do colágeno no nosso corpo. Estudos mostram que aproximadamente 90% desses aminoácidos são absorvidos em seis horas e essas moléculas podem agir como mensageiros, promovendo a síntese e reorganização de novas fibras de colágeno, melhorando a firmeza e a elasticidade da pele, assim como o metabolismo da cartilagem. “A ingestão de colágeno hidrolisado pode beneficiar todas essas estruturas”, explica Jocelem.

Leia também: Nutren Beauty funciona

Reposição a partir dos 40
Com 30 anos, sabe-se que há perda de 1% do colágeno que produzimos ao longo de um ano, gerando o surgimento das rugas. Já aos 50 anos, a produção começa a ficar em torno dos 35% necessários para os órgãos de sustentação, aumentando a fragilidade dos ossos e articulações – processo agravado com a menopausa. E o colágeno, que normalmente é reposto em nosso organismo com uma alimentação equilibrada (carnes são excelentes fontes de proteínas e colágeno), passa a necessitar de suplementação com a proximidade dos 40.
Ingerir colágeno não significa produzi-lo
Atualmente o colágeno hidrolisado é reconhecido como um ingrediente alimentício pelo Ministério da Saúde e pelo FDA, órgão que regulamenta alimentos e bebidas nos EUA. Sendo assim, o mercado começa a ficar abastecido de novidades em forma de balas, cápsulas, pós, shakes e afins.
Para o endocronologista e nutrólogo Wilmar Accursio, presidente da Sociedade Brasileira para Estudos do Envelhecimento, as cápsulas de colágeno, quando ingeridas, se transformam em aminoácidos e em outras substâncias, mas isso não significa que se transforme, efetivamente, em colágeno. “É como comer um bife. O seu corpo vai utilizar para fazer o colágeno ou não”, diz, recomendando como alternativas para melhorar o colágeno no organismo a suplementação de vitamina C, licopeno e minerais, otimizando a resposta da pele às técnicas de estímulo de produção de colágeno.
Tecnologia permite estímulo de produção de colágeno na pele
Entre as técnicas mais modernas, destaca-se o Ulthera, ultrassom fracionado, não invasivo, para combater a flacidez facial e corporal, com capacidade de atingir a até mesmo a musculatura corporal. “O tratamento é indicado para pacientes com flacidez moderada no rosto, pescoço e área ao redor dos olhos”, diz a dermatologista Paula Bellotti. Ela alerta sobre os cuidados que de deve ter: “Balas e suplementos não têm nenhuma comprovação científica. Tem gente que toma tudo que está na prateleira, mas não faz o básico: boa higienização e uso do filtro solar. A pele é a maior região do corpo e um órgão de defesa, por isso, cuidar dela é uma questão de saúde”.

TOMAR SUCO DE BABOSA REALMENTE VAI TE AJUDAR A EMAGRECER?

Também conhecida como aloe vera, a babosa costuma ser usada para amenizar queimaduras. Contudo, ultimamente o suco de babosa está sendo apontada como a mais nova opção para quem quer perder peso.

Quem consome essa bebida defende que ela pode acelerar o metabolismo, promover a digestão adequada e ajudar a queimar mais gordura e calorias. Mas, afinal, isso é verdade?

O que é suco de babosa?
Ok, então o suco de babosa vem da planta do tipo suculenta. É nas folhas da babosa onde a mágica acontece: elas contêm um gel claro que pode ser usado para tratar queimaduras ou feridas, de acordo com o National Institute of Environmental Health Sciences (NIEHS). As folhas em si – especificamente uma camada conhecida como látex – podem ser transformadas em suco ou tomadas secas por via oral como um laxante, segundo o NIEHS.

Leia mais
8 receitas de smoothies que têm gosto de milkshake
Água com limão: todas as dúvidas que você ainda não teve resposta

Sim, você leu certo: laxante. As folhas das plantas contêm o composto antraquinona, chamado aloína, que possui propriedades laxantes, conforme aponta o instituto.

Então, o suco de babosa é saudável para tomar?
“A babosa contém polifenóis, que são um tipo de antioxidante”, diz Beth Warren, R.D.N., fundadora da Beth Warren Nutrition e autora de Secrets of a Kosher Girl (EUA). Estudos mostram que também tem vitaminas A, C, E, bem como vitaminas do complexo B e enzimas antiinflamatórias e esteróis de plantas. Com tudo isso ela é, teoricamente, saudável.

Contudo, existem dois tipos diferentes de suco de babosa: o que vem da substância gelatinosa clara dentro das folhas de aloe vera (misturado com água e açúcar) e o feito com folhas das plantas.

“Suco feito com a substância de gel transparente – geralmente conhecida como água de aloe ou água de babosa – pode realmente conter mais açúcar do que a outra”, diz Warren. Algumas versões, inclusive, possuem quase seis colheres de chá de açúcar, fazendo com que se torne bem próximo a um refrigerante!

Estes também provavelmente têm o laxante removido, então você poderá consumi-lo sem precisar de um banheiro nas proximidades.

“O suco de folha inteira de aloe vera, no entanto, é frequentemente vendido como suplemento alimentar em lojas de saúde e de vitamina. Ele é comercializado para promover saúde gastrointestinal, graças às suas propriedades laxativas”, diz Warren.
“Portanto, não acabe com uma garrafa inteira da bebida feita com a folha. Em vez disso, consuma misturada com algum outro suco”, orienta Warren.

“Outra coisa para se ter em mente: o suco em folhas inteiras é considerado um suplemento, que não é regulado pela Food and Drug Administration”, diz a profissional. “Isso significa que você nunca terá 100% de certeza do que está comprando.”

Bom, isso pode me ajudar a perder peso?
A verdade é que o suco de babosa vai te ajudar a fazer mais cocô, “o que pode resultar em perda temporária de água e, portanto, peso”, diz Warren. E com certeza, depois disso, você verá os ponteiros da balança abaixarem. Contudo, isso não é uma maneira confiável de estimular a perda de peso a longo prazo.

Leia também: Babosa para a pele

Mas isso só vale para a variedade de folhas inteiras. As outras coisas – como suco carregado de açúcar, por exemplo – não farão nada pela balança. Na verdade, essas calorias adicionais podem até levar ao ganho de peso se você beber regularmente.

Então, devo tomar o suco para perder peso?
A resposta é não. De acordo com Warren, se você está tomando um laxante para perder peso, isso pode ser um sinal de um hábito alimentar desordenado.

Se a intenção é consumir a babosa como um laxante natural, porque você está tendo problemas com o “número dois”, converse com seu médico sobre seus problemas digestivos.

Laxantes podem afetar a absorção ou interagir com outros medicamentos que você está tomando, e a babosa pode causar cólicas abdominais e diarréia, de acordo com a Clínica Mayo. Tomar grandes quantidades dessa bebida também pode ter consequências graves para a saúde, incluindo danos nos rins.

“Se, ainda assim, você está curiosa para experimentar, vá em frente e teste algumas opções engarrafadas que contêm apenas aloe vera e água”, orienta Warren. Mas certifique-se de evitar toneladas de açúcares adicionados à bebida ou ingredientes artificiais que você, francamente, não precisa.

Varizes: sintomas, tratamentos e causas

O que são Varizes?
Varizes são veias com tortuosas, dilatadas e insuficientes. Qualquer veia pode ficar varicosa, mas é mais comum as varizes afetarem as pernas e pés – isso porque ficar em pé parado ou assentado por longos períodos aumenta a pressão nas veias da parte inferior do corpo.

Para muitas pessoas, as varizes e vasinhos (uma variação mais leve de varizes) são uma preocupação puramente estética. Para outras pessoas, varizes podem causar dor, desconforto e até mesmo problemas mais graves, como aumentar o risco de doenças circulatórias. O tratamento pode envolver medidas de autocuidado ou procedimentos para fechar ou remover as veias.

Causas
Varizes são veias dilatadas que geralmente ocorrem na parte mais superficial da pele. A causa mais comum de varizes é a influência genética, uma vez que existe forte predisposição familiar. Pode-se herdar veias mais frágeis que com a idade e fatores de risco predispõem ao aparecimento das varizes.

Menos comumente, as varizes podem ser um sinal de um problema mais grave que pode, por vezes, precisar de tratamento. Estes problemas graves podem incluir:

Coágulos de sangue ou bloqueio nas veias
Veias profundas danificadas
Vasos sanguíneos anormais (fístulas arteriovenosas)
Tumores (muito raramente).
Saiba mais: Exercícios ajudam no tratamento das varizes
Fatores de risco
Os fatores que aumentam o risco de desenvolver varizes incluem:

Gravidez
Ser do sexo feminino
Idade avançada
Excesso de peso e obesidade
História familiar de varizes
Passar muito tempo em pé
Condições que aumentam a pressão no abdômen, tais como doenças do fígado, líquido no abdômen ou insuficiência cardíaca
Fístulas arteriovenosas
Passado de Trombose venosa Profunda.
Sintomas
Sintomas de Varize
As varizes podem não apresentar sintomas além de do aparecimento de veias tortuosas, dilatadas e azuladas logo abaixo da pele. Se você apresentar sintomas de varizes, eles podem incluir:

Dor, ardor, ou sensação de peso nas pernas, que podem ser mais acentuados no fim do dia
Leve inchaço, geralmente envolvendo apenas os pés e tornozelos
Coceira na pele sobre a veia varicosa.
Os sintomas mais graves de varizes são:

Acúmulo de líquido e inchaço na perna
Inchaço e panturrilha com dor significativa após ficar sentado ou em pé por muito tempo
Mudanças na cor da pele ao redor dos tornozelos e pernas
Pele seca, esticada.
Os sintomas de varizes pode se tornar mais graves alguns dias antes e durante o período menstrual.

Diagnóstico e Exames
Buscando ajuda médica
Alguns cuidados, como fazer exercícios, elevar as pernas ou usar meias de compressão, podem ajudar a aliviar a dor das varizes e impedir complicações. Mas, se os sintomas não passarem após essas medidas ou há preocupação com relação às complicações das varizes, busque ajuda médica.

Na consulta médica
Especialistas que podem diagnosticar e acompanhar varizes são:

Angiologista
Cirurgião vascular.
Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.
O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

Quando você notou as varizes?
Você sente alguma dor? Caso sinta, quão grave é a dor?
O que, se alguma coisa, parece melhorar os sintomas?
Alguma coisa parece piorar os sintomas?
Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para varizes, algumas perguntas básicas incluem:

O que está causando os sintomas?
Quais são as outras causas possíveis para as varizes?
Quais exames são necessários?
Como são tratadas as varizes?
Quais são as alternativas para a abordagem primária que você está sugerindo?
Tenho outras condições de saúde. Como posso gerenciar essas condições juntas?
Devo fazer alguma restrição?
Há algum material impresso que eu possa levar para casa comigo? Quais sites você recomenda visitar?
Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Varize
As varizes geralmente são diagnosticadas fazendo apenas uma análise da pele e aparência das veias. Durante o exame físico, o médico ou médica irá examinar suas pernas, pés ou quaisquer outras áreas afetadas. Ele ou ela vai buscar sintomas inchaço, alterações na cor da pele, úlceras e outros sinais de ruptura da pele. Para estudar o fluxo de sangue, você pode precisar mover suas pernas em posições diferentes.

Se há suspeita de varizes, após um bom exame clínico você poderá fazer um exame de ultrassom Doppler Colorido Venoso de Membros inferiores.

Tratamento e Cuidados
Tratamento de Varize
Para a maioria dos casos, as varizes podem ser tratadas com medidas de autocuidado, tais como:

Exercício físico
Emagrecimento
Evitar o uso de roupas apertadas
Elevar as pernas sempre que possível
Evitar longos períodos em pé ou sentado.
Meias de compressão também podem ser usadas para o controle das varizes. Elas fazem uma compressão mais forte no tornozelo que vai diminuindo em direção à coxa ajudando a direcionar o retorno do sangue venoso de volta ao coração. A quantidade de compressão varia por tipo e marca. Ao comprar meias de compressão, certifique-se de que elas sirvam corretamente. Meias de compressão devem ser fortes, mas não necessariamente apertadas.

Além destas medidas básicas, pode ser que precise fazer um desses tratamentos:

Escleroterapia
Cirurgia, que são individualizadas para cada pessoa: pode-se usar a cirurgia convencional, laser, radiofrequência, espuma eco guiada ou mini cirurgia com anestesia local, de acordo com a evolução da doença. Por isto recomenda-se cuidar o mais precoce possível para que o tratamento seja o mais simples.
As varizes que se desenvolvem durante a gravidez geralmente melhoram sem tratamento médico dentro de três a 12 meses após o parto.

Leia também: Varicell

Como tratar varizes

Medicamentos para Varize
Os medicamentos mais usados para o tratamento de varizes são:

Diosmin
Hemovirtus
Hirudoid
Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)
Convivendo/ Prognóstico
Se você tem varizes, é possível controlar o problema e evitar complicações com medidas simples:

Usar meias de compressão
Praticar exercícios
Manter um peso saudável
Elevar as pernas
Evitar longos períodos sentado e de pé.
Varizes superficiais às vezes podem causar problemas leves, como hematomas ou hemorragias. Pequenos coágulos de sangue podem se formar ocasionalmente nas veias superficiais (flebite superficial). A maioria destes problemas pode ser tratado de forma segura em casa.

Em caso de contusão, eleve a perna e aplique gelo ou compressa fria nas primeiras duas horas após o ocorrido. Isso pode ajudar a reduzir a quantidade de sangramento sob a pele e minimizar hematomas
Se você arranhar ou cortar a pele sobre uma veia, pode sangrar muito. Eleve sua perna e aplique uma pressão firme com um curativo limpo sobre o local do sangramento. Continue a aplicar pressão durante 15 minutos. Se o sangramento não parou após 15 minutos, aplicar a pressão de novo durante mais 15 minutos. Você pode repetir esse procedimento até três vezes para um total de 45 minutos
Se você percebeu que se formou um coágulo de sangue em uma veia varicosa superficial (flebite superficial), procure ajuda médica e siga as instruções.
Complicações possíveis
Complicações das varizes incluem:

Ulcerações
Coágulos que podem levar a uma trombose venosa profunda e eventualmente embolia pulmonar e morte
Sangramentos
Pele seca, esticada, inchada e com coceira
Pele fina frágil, que se machuca facilmente
Mudanças na cor da pele ao redor dos tornozelos e pernas
Infecções fúngicas e bacterianas, que podem surgir a partir de problemas de pele decorrentes do acúmulo de líquidos (edema) na perna
Aumento do risco de infecção dos tecidos (celulite).
Prevenção
Prevenção
Não é possível evitar totalmente o aparecimento de varizes. No entanto, é possível melhorar a circulação e reduzir o risco de desenvolver complicações. As mesmas medidas que tratam o desconforto das varizes podem ajudar a prevenir o problema. Veja:

Praticar exercícios
Manter o peso saudável
Comer um alto teor de fibras
Reduzir o consumo de sal
Evitar saltos altos ou sapatilhas e meias apertadas
Elevar as pernas
Evitar ficar muito tempo na mesma posição.

Rugas e linhas de expressão: 5 funções da pele perdidas com o envelhecimento precoce

Rugas e linhas de expressão: 5 funções da pele perdidas com o envelhecimento precoce

Pode soar estranho para a maioria das pessoas, mas é verdade: a pele é o maior órgão do corpo humano, bem como também o mais exposto. E por estar, diariamente, sob ação de uma infinidade de fatores externos como os raios solares e a poluição, caso não seja cuidada de forma adequada, é muito comum que comecem a surgir problemas de envelhecimento precoce: as temidas rugas, marcas de expressão e de flacidez.

Veja também: 5 Exercícios faciais para evitar rugas

A função da pele não é só estética. Saiba quais são as outras e porque sinais físicos como rugas e linhas de expressão podem ser um alerta. (Foto: iStock)

No entanto, a pele não desempenha somente a função estética – não que essa seja menos importante –, mas também tem seu papel fisiológico. E se algo não vai bem, é normal que ela dê sinais de que não está funcionando como deveria. Quer saber o que o envelhecimento precoce causa na sua pele e como preveni-lo? Então, vamos lá:

Leia mais: Toxina botulínica ameniza rugas e linhas de expressão

Perda da capacidade de regular a temperatura do corpo
Essa função para lá de importante é chamada de termorregulação pelos cientistas. É através da secreção do suor produzido pelas glândulas sudoríparas que a pele se incumbe de manter a temperatura corporal saudável. “Com a redução das glândulas sudoríparas através do processo de envelhecimento e perda de gordura no tecido subcutâneo, há uma dificuldade de adequar a temperatura corporal que vai crescendo gradualmente com o passar dos anos e a recorrência do descuido”, explica a Dra. Claudia Marçal, dermatologista especializada pela Associação Médica Brasileira (AMB), membra titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da American Academy of Dermatology (AAD).

Leia também: comprar Creme para rugas

Perda da capacidade de proteger o corpo
A epiderme, como é chamada cientificamente a parte mais externa da pele, é composta, principalmente, por queratinócito, como é chamado o produtor da queratina. Ela, por sua vez, é responsável pela proteção da pele, por ser resistente e impermeável. A melanina, por sua vez, também é uma proteína capaz de proteger a pele, mas dessa vez, por meio do pigmento. “A epiderme possui ainda células responsáveis pela imunidade: as células de Langerhans. Mas com o afinamento da pele e diminuição das células de defesa e da vascularização, decorrentes das constantes agressões, há um enfraquecimento dessa capacidade de proteção e um risco maior de aumento de infecções”, comenta a especialista.

Leia também: Skin renov é bom

Redução do amortecimento dos músculos
O tecido gordo ou adiposo, localizado na região subcutânea, é rico em células que possuem óleos e gorduras, conforme o próprio nome já diz. Esse conjunto celular também é responsável por formar uma camada de defesa, uma espécie de ‘almofada’ para amortecer os músculos. “Além disso, essa camada funciona como um reservatório de calor. Com a sua perda, há uma redução da vascularização e, consequentemente, uma baixa desse efeito amortecedor”, pontua a médica.

Baixa da lubrificação
A pele também é formada por uma camada chamada de manto lipídico, que conforme o nome sugere, é composta por óleo e água, responsável pela lubrificação da derme e dos pelos. “Essa camada de sebo e suor torna a pele mais resistente às infecções. Os fungos ou bactérias presentes no ar têm mais dificuldade de penetrar na pele e causar doenças. Da mesma forma, essa lubrificação e hidratação natural da pele é um reforço contra as ações danosas dos agentes externos como poluição, fumaça, vento e radiação solar”, esclarece Claudia. O descuido com a hidratação da pele também ajuda no processo de redução das glândulas sebáceas. Consequentemente, há um ressecamento, fomentando o surgimento de rugas e facilitando a entrada de microrganismos.

Perda de elasticidade
Essa é uma das funções mais importantes da pele no caso da cicatrização ou outros fenômenos que a estique por alguma razão. “As fibras colágenos são as que proporcionam resistência para a pele, sustentando uma rede de outras estruturas como pelos, unhas, glândulas sebáceas e sudoríparas”, conta ela. A ação dos raios infravermelhos atinge a porção mais profunda da pele, onde estão as fibras de sustentação. Esse quadro também favorece o surgimento de câncer de pele.

Como prevenir?
Para prevenir a perda das funções fisiológicas da pele, é determinante ter um estilo de vida saudável e cuidados diários com a pele. Estudos científicos apontam que 80% do envelhecimento precoce é causado pelo estilo de vida inadequado das pessoas. “Dormir de 7h a 8h por noite, ter uma alimentação saudável e rica em proteína, manter-se hidratado são algumas dicas básicas e fundamentais”, pontua a dermatologista, que completa: “A limpeza, tonificação, hidratação e fotoproteção devem ser feitas diariamente e sempre seguindo orientações de um especialista.”

Colágeno para a pele: como e por que usufruir de seus benefícios

Colágeno para a pele: como e por que usufruir de seus benefícios

Ele é responsável por garantir firmeza para pele, unhas, cabelos, cartilagem e tendões

Atualmente, muito se fala sobre a importância do consumo de colágeno, especialmente a partir dos 30 anos. Mas, você sabe exatamente o que é o colágeno e quais são suas funções? Quando e por que é indicada a suplementação?

Primeiramente, é preciso entender que o colágeno compõe a maioria dos tecidos e órgãos do corpo humano. Está presente na pele, cartilagens, ossos e tecido conjuntivo. Ou seja, é produzido naturalmente pelo corpo, mas também pode ser encontrado em alimentos como carne e gelatina, por exemplo, além de em cremes hidratantes e nos (hoje, famosos) suplementos alimentares (em cápsulas, em pó, entre outras formas).

Bruno Vargas, dermatologista graduado em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e sócio-proprietário da Clínica Inovatto (em Belo Horizonte), ressalta que na pele, o colágeno é responsável por conferir resistência e firmeza.

“Com o envelhecimento, a pele vai perdendo a capacidade de sintetizar as fibras colágenas, o que leva à perda de sustentação do tecido e ao aspecto envelhecido da mesma. O processo do envelhecimento da pele é acelerado pela degradação do colágeno e pela ação direta da radiação ultravioleta do sol e das fontes artificiais”, explica o dermatologista.

Neste sentido, com o passar dos anos, torna-se importante a reposição de colágeno, tanto através de alimentos, como (em muitos casos) a partir de suplementos alimentares.

Leia também: 10 alimentos anti-idade que você deve incluir na sua dieta

Benefícios do colágeno
Lilian Silva de Andrade, nutricionista da Nutri Factory, destaca que o colágeno tem inúmeros benefícios, dentre eles: a função de contribuir com a resistência e estrutura para todo o organismo, além de proporcionar elasticidade aos tecidos, dando firmeza para pele, unhas, cabelos, cartilagem e tendões.

A nutricionista explica que, em cada parte do corpo, o colágeno irá atuar de uma maneira:

Nos ossos, permite a firmeza.
Nas articulações, ele atua como lubrificante dando a elasticidade articular.
Nos tendões, dá rigidez e força.
Atua no fortalecimento dos ossos, articulações, unhas e cabelos.
Atua na melhora da elasticidade da pele, contribuindo para a melhora da aparência da celulite.
Contribui ainda para a perda de peso, pois promove maior saciedade.
Por tudo isso, o colágeno é visto como um grande aliado da beleza, combatendo, inclusive, o envelhecimento precoce.

Quando a reposição de colágeno é indicada?

Leia também: Skin renov Anvisa

É importante ressaltar que, a partir dos 30 anos de idade, ocorre uma redução gradual na produção de colágeno pelo corpo humano. “Nota-se que, a partir dessa idade, os músculos ficam mais flácidos, a densidade dos ossos é reduzida e as articulações e os ligamentos perdem elasticidade e força motora”, comenta Lilian.

Já aos 50 anos, a produção diminui drasticamente e chega apenas a 35% da sua produção total. “Vale destacar ainda que as mulheres sofrem um pouco mais com essa perda na produção de colágeno, devido à produção diminuída do hormônio estrogênio na menopausa. Então se faz necessária uma alimentação saudável com bastante fontes de proteínas, além de exercícios físicos e, muitas vezes, a suplementação, visando assim estimular a produção do colágeno no nosso corpo”, diz a nutricionista.

Leia também: Colágeno tipo 3 e 1

O dermatologista Vargas destaca que não existe regra, mas, de um modo geral: pessoas que possuem uma alimentação deficitária do ponto de vista proteico, atletas e pessoas muito expostas a agentes que aceleram o processo de degradação das fibras colágenas (como o sol e o fumo) são beneficiadas com a suplementação do colágeno hidrolisado.

Alimentos que são fonte de colágeno
Mas, afinal, como contar com uma dieta que contribua para a reposição de colágeno?

Lilian explica que os alimentos mais ricos em colágeno são aqueles de origem animal, como carnes vermelhas ou brancas, e as gelatinas incolores (que possuem menos toxinas). Exemplos que a nutricionista destaca:

Carnes vermelhas;
Peixes;
Ovos;
Leites e derivados como iogurtes (de preferência os menos gordurosos);
Queijos brancos (cottage);
Frango sem a pele.
“Uma dica superimportante: o colágeno irá atuar de forma mais efetiva e eficaz quando associado a uma alimentação saudável, ou seja, é indispensável o consumo de alimentos que sejam ricos em vitaminas e minerais como vitamina C e vitamina E, cobre, selênio, zinco e silício”, acrescenta a nutricionista.

Como repor colágeno no caso de vegetarianos?

FOTO: GETTY IMAGES

No caso de pessoas vegetarianas, é extremamente importante realizar um acompanhamento com um profissional da saúde, para que uma dieta equilibrada e saudável seja prescrita. “Uma das formas mais eficazes para se obter o colágeno nesses casos é uma dieta rica em proteínas vegetais e alimentos fontes de vitamina C (que auxiliará na melhor absorção desses nutrientes)”, diz Lilian.

Leia também: o que é Colágeno tipo 3 e 1

As melhores fontes vegetais, de acordo com a nutricionista, são:

Cereais (milho, trigo, aveia, arroz, quinua etc.)
Leguminosas (lentilha, feijões, soja, grão de bico, ervilha etc.)
“O primeiro passo para uma boa produção de colágeno é manter uma alimentação bastante diversificada, rica em alimentos de fonte integral, selênio (castanha do Brasil), zinco (semente de girassol), vitamina C ( laranja, acerola) e vitamina E (amêndoas)”, acrescenta Lilian.

Suplementação com colágeno

FOTO: GETTY IMAGES

Atualmente, a suplementação de colágeno apresenta-se de várias formas: em pó, balas, chocolates, shakes, gelatinas, chás, iogurtes e cápsulas. “Vale lembrar que a forma mais eficaz e eficiente deve ser sempre orientada por um profissional habilitado, e respeitando sempre a necessidade de cada indivíduo”, diz Lilian.

“Estudos comprovam que a forma em pó hidrolisada é a mais eficaz (cerca de 90% é absorvida), isso facilita a manter uma pele firme, devido ao processo de hidrólise. Uma pequena quantidade do produto contém uma maior concentração de colágeno puro e ele será totalmente absorvido pelo organismo. Uma das formas menos eficientes é a gelatina, que contém baixa concentração de proteína, além disso, é rica em açúcares, corantes e aditivos químicos”, destaca a nutricionista.

Quando o consumo é em cápsulas, segundo Lilian, recomenda-se tomar uma ou duas cápsulas por dia, juntamente com um copo de água.

Leia também: 24 receitas de suco verde para adicionar ao seu cardápio

Um detalhe é que: por mais que existam alguns cosméticos que contem com colágeno em suas formulações (ou seja, para uso tópico), são as versões orais as mais eficientes, por agirem de forma progressiva na camada mais profunda da pele.

Onde comprar colágeno
Abaixo você confere algumas apresentações do colágeno disponíveis para venda:

PEPTO COLÁGENO HIDROLISADO EM PÓ POR R$54,60 NA NATUE

COLÁGENO EM CÁPSULAS STEM POR R$16,49 NA NETFARMA

COLÁGENO EM CAPSULAS NUTRILATINA POR R$34,11 NA ÉPOCA COSMÉTICOS

BALAS DE GELATINA COM COLÁGENO POR R$28,70 NA NATUE

COLÁGENO DAY INSTANTÂNEO POR R$70,50 NA NATUE

COLÁGENO HIDROLISADO SANAVITA POR R$69,74 NA ULTRAFITNESS

COLÁGENO HIDROLISADO CLINICAL SKIN POR R$53,55 NA OTIMA NUTRI

COLÁGENO EM CÁPSULAS NU3 POR R$29,77 NA NATUE

Vale destacar que, apesar de ser encontrado facilmente à venda, o ideal é utilizar a suplementação de colágeno seguindo as orientações de um profissional da saúde.

Depoimentos de quem usa
Christianne Abila, 29 anos, jornalista, usa o colágeno hidrolisado em pó há cerca de 2 anos. “Minha nutricionista indicou na época e, desde então, não parei mais de tomar, porque acho que realmente dá resultado. Notei uma diminuição de celulite e melhora do aspecto da pele em geral. Tudo isso, é claro, porque associo o colágeno com uma boa alimentação e exercício físico”, diz.
Leia também: o que é Colágeno tipo 3 e 1

Patrícia Vieira, 42 anos, funcionária pública, também usa o colágeno em pó há pelo menos 3 anos. “Sinto uma boa diferença na minha pele, muita gente me pergunta inclusive que tipo de tratamento faço porque, para minha idade, considero ter poucas rugas e uma pele no geral muito boa (risos)”, comenta.

“Costumo comprar o colágeno em pó sem sabor, em farmácia de manipulação mesmo, e aí o misturo em polpas de frutas (para suco) diariamente, prático e eficiente”, acrescenta Patrícia.

Contraindicações no uso de colágeno

FOTO: GETTY IMAGES

Por se tratar de um alimento natural, não há contraindicações para indivíduos saudáveis, de acordo com a nutricionista Lilian. “Orienta-se não ultrapassar a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), que preconiza o consumo de 9g de colágeno por dia para indivíduos adultos”, diz.

O dermatologista Bruno Vargas destaca que, como no caso de qualquer outro alimento, o excesso não é bem-vindo. “Existe uma quantidade de aminoácidos necessária diariamente para a produção das proteínas (por exemplo, o colágeno) que o organismo necessita. O conselho é: use conforme a prescrição do seu médico, que saberá qual a quantidade ideal para o seu corpo (baseado no peso, atividade física etc.)”, ressalta.

Vale lembrar que, como o colágeno é uma proteína de origem animal, a contraindicação existe para pessoas vegetarianas ou que não possam consumir produtos de origem animal. Nesses casos, é muito importante realizar acompanhamento com um profissional da saúde, para que uma dieta equilibrada e saudável seja indicada.

Colágeno (em pó, hidrolisado): para que serve e como consumir Ele deixa a pele mais resistente e também mantém as unhas, ossos, dentes e cabelos saudáveis

Colágeno (em pó, hidrolisado): para que serve

Aproximadamente um terço da proteína de nosso corpo é colágeno. Ele tem uma função estrutural que protege outros tecidos menos resistentes e permite a sua conexão com o esqueleto ósseo. Vamos esclarecer tudo o que você precisa saber sobre essa proteína ótima para saúde.

O que é?
O colágeno é uma proteína composta por 3.000 aminoácidos dispostos em três correntes moleculares entrelaçadas, formando uma espécie de hélice tripla flexível e robusta. Ele tem inúmeros atributos: deixa a pele resistente e elástica, reforça tendões e ligamentos que unem os músculos aos ossos e sustenta os órgãos internos. Ossos e dentes são feitos pela adição de minerais à matriz de colágeno, e 75% da pele é colágeno.

Tipos de colágeno
Mais de 20 tipos de colágeno são encontrados no corpo, de acordo com um artigo publicado na revista científica Advanced Drug Delivery Reviews. A estrutura e a função do colágeno são determinadas pela sequência dos aminoácidos. Em alguns tecidos, como órgãos, o colágeno pode ter a forma de um gel. Em outros, como os tendões, o colágeno vem como fibras apertadas para fornecer a resistência.

Fonte de colágeno
O colágeno é um produto de origem animal, e é basicamente extraído da pele, cartilagens e tendões de aves, suínos e bovinos. Há um processo de agregação de água ao colágeno animal, chamado de hidrólise, obtendo-se assim o colágeno hidrolisado, em forma de pó branco.

Benefícios do melhor colágeno hidrolisado
O colágeno atua no fortalecimento de unhas frágeis e promove maior resistência, espessura, crescimento e brilho aos cabelos. A pele adquire mais tônus, hidratação, e pode haver uma redução da flacidez cutânea. O colágeno hidrolisado desempenha um papel importante na prevenção e no tratamento de dores articulares, artrose e osteoporose, e tem sido utilizado para minimizar a ocorrência de lesões na terceira idade, pois mantém o tecido articular mais hidratado e elástico. Ele também é utilizado para prevenir lesões em atletas. Diversos estudos realizados na Europa e nos Estados Unidos atestam esses benefícios.

Quando a produção de colágeno diminui?
A partir dos 25 anos, a produção de colágeno começa a diminuir (perdemos cerca 1% ao ano). “As linhas de expressão começam a aparecer, resultando em uma pele mais frágil e menos elástica, ou seja, flácida”, explica a nutróloga Paula Guidi.

De acordo com a especialista, outro ponto importante é que as mulheres produzem menos colágeno do que os homens. Estudos comprovam que no período da menopausa a velocidade de perda dessa proteína é aumentada, chegando a atingir 30% nos primeiros cinco anos.

Colágeno comestível
O colágeno hidrolisado é composto por 90% de proteína, 2% de sais minerais, e 8% de água. Sua classificação é descrita como uma proteína comestível e seus principais aminoácidos são prolina e lisina, responsáveis pela síntese de colágeno endógeno com a ajuda de alguns cofatores, citados abaixo.

Ele é isento de gordura, colesterol e carboidratos. Além de tudo, é uma proteína de fácil digestão e assimilação devido ao processo de hidrólise, com inúmeras indicações tanto na área de saúde como nos cuidados com a beleza da pele, cabelos e unhas.

O corpo produz colágeno
Existem nutrientes que ajudam o corpo a sintetizar e a preservar o colágeno por diversos caminhos metabólicos, agindo como cofatores. Para isso é preciso consumir alimentos ricos em lisina, ômega 3, vitamina A, enxofre, licopeno e vitamina C.

A lisina está presente em laticínios, carnes, aves, peixes e frutos do mar, ovos, lentilha, tofu, quinoa e semente de abóbora. Pescados fornecem o ômega 3, que reduz a degradação de colágeno, e neste grupo também entram chia, linhaça, nozes, castanhas e abacate. Fontes de enxofre incluem alho, cebola, azeitonas, couve-de-bruxelas, ovos, pepino e aipo.

Dessa forma, a vitamina A trabalha em conjunto com o enxofre para produzir novas fibras de colágeno e elastina, e está presente em frutas e vegetais de cor verde, vermelha, laranja e amarela, como cenoura, batata doce, melão, manga etc.

O licopeno inibe a colagenase, uma enzima que destrói o colágeno, e se concentra no tomate, melancia, goiaba, acerola, pimentão vermelho e beterraba. Para finalizar, não pode faltar vitamina C, que se junta à lisina e prolina para formar os blocos de colágeno no corpo, abundante em frutas cítricas, vegetais folhosos de cor verde escura, pimenta vermelha, pimentão, goiaba, acerola, açaí e kiwi.

Leia também: Skin renov Anvisa

Vegetarianos, lisina e colágeno
Como o colágeno está presente em produtos de origem animal, os vegetarianos precisam ser bem cuidadosos na hora de montar o prato para não ter deficiência desta proteína essencial à saúde.

Os precursores de colágeno citados acima não podem faltar, e a maior dificuldade reside na obtenção de lisina, pois a prolina é sintetizada pelo corpo a partir de outros aminoácidos. Os ovolactovegetarianos não têm problema para obter lisina, pois ovos e laticínios são excelentes fontes do aminoácido.

A nutróloga Tamara Mazaracki listou algumas opções para os veganos, como:

Seitan (bife de glúten de trigo)
Proteína de soja (leite, tofu e carne de soja)
Ervilha
Lentilha
Feijões
Levedo de cerveja
Oleaginosas
Manteiga de amendoim
Neste caso, é importante consultar um especialista para saber a quantidade indicada de cada alimento para obter níveis adequados de lisina.

Suplemento alimentar
Por ser uma proteína de fácil digestão e assimilação, o colágeno é um suplemento alimentar com inúmeras indicações na área de saúde. Com o passar dos anos ocorre uma redução gradual de colágeno nos tecidos corporais, e ele também sofre em qualidade, tornando-se menos elástico e hidratado.

O colágeno suplementar é usado para prevenir a degradação do colágeno corporal, ajudando assim a manter pele, tendões, ossos e ligamentos mais saudáveis. “Estudos comprovam que usar diariamente o colágeno como suplemento nutricional pode melhorar, de forma significativa, diversos fatores na saúde interna e externa de quem usa”, afirma a dermatologista Gladys Mattei.

Como consumir colágeno hidrolisado
A dose recomendada é de dez a vinte gramas diárias (1 a 2 colheres de sopa) de colágeno hidrolisado diluído em meio copo de suco, leite ou iogurte. A nutróloga Tamara recomenda o colágeno em pó puro, sem a adição de corante e adoçante. Uma forma muito prática é a apresentação em balas tipo goma, que contêm colágeno associado ao óleo de coco, garantindo um benefício duplo.

“Os primeiros efeitos podem ser notados após dois a três meses de consumo diário”, explica. O colágeno hidrolisado é um alimento e não há nenhuma restrição ou contraindicação, nem limite de tempo para o seu uso.

Lift Gold Serum → O Segredo das Celebridades? Saiba a Verdade!

Lift Gold Serum → O Segredo das Celebridades? Saiba a Verdade!

Não é de hoje que as rugas são um tormento na vida, principalmente, das mulheres. É comum em sites, programas de televisão, canais e perfis nas redes sociais, sempre falam sobre o tema, então venho apresentar o creme Lift Gold Serum.

Muito se tem feito no que se refere à técnicas, receitas naturais e até mesmo produtos que prometem a melhoria das rugas. Devido às rugas não serem aceitas no modelo ideal de estética, muitas mulheres, já recorreram a essas técnicas e produtos a fim de sentirem-se livres deste tormento.

No entanto, por não conseguirem, se sentem abaladas emocionalmente e muitas das vezes abrem mão de ter um rosto sem rugas.

Porém, para solucionar esses problemas, mediante inúmeras pesquisas laboratoriais, testadas por vários especialistas.

Um produto diferenciado, pois sua eficiência consegue oferecer um efeito maravilhoso, que muitas mulheres buscam e acabam caindo nas mãos do Botox.

CONTRA INDICAÇÃO
O Lift Gold Serum é 100% natural e pode produzir efeitos similares ou até melhor que o Botox. Uma coisa muito boa é que seus efeitos também são constantes, auxiliando sua pela a se tornar novamente hidratada, macia e sedosa.

Você deve estar se perguntado mais sobre este creme, certo? Pois bem, ele é um simples creme, mas que possui uma combinação de elementos importantíssimos que dão a sua pele os nutrientes necessários para reforçar sua estrutura.

Evitando com que haja a perda de elasticidade e firmeza que são adquiridas em função do sol e da idade e são as principais causas das rugas, manchas, sinais de pele, bolsas embaixo dos olhos e olheiras.

Para quem ainda não conhece, é importante se atentar para os diferenciais, pois são esses diferencias que fazem dele uma peça exclusiva no kit anti-idade de qualquer mulher. São eles:

Tem ação momentânea e em longo prazo:
Isso mesmo, a redução das rugas pode ser notada logo no primeiro dia de uso e esse efeito perdura por muito tempo, mesmo que você deixe de usar.

Rugas, imperfeições, tudo:
Exatamente, não se restringe apenas as rugas, pois ele deixa sua pele lisa, firme e renovada, acabando com as rugas, bolsas abaixo dos olhos e até mesmo as manchas.

Sem riscos:
É comum ver reportagens, até mesmo postagens nas redes sociais de mulheres que sofreram efeitos reversos de cirurgias de botox. Isto posto, para quer arriscar? É a pedida certa, pois é natural e ter efeitos melhores que o botox.

Quero Meu Lift Gold Serum (AGORA!)

Leia também: Skin renov Anvisa
.
Esses são alguns dos bons motivos para usar o produto, que esta revolucionando entre os cosméticos.

QUAIS OS REAIS BENEFÍCIOS?
O creme Lift Gold funciona Serum com certeza traz muitos benefícios, além de ter efeito similar ao botox, como já citado.

Confira alguns dos benefícios:
Diminuição das rugas;
Amenização das linhas de expressão;
Pele mais hidratada;
Pele mais macia;
Pele mais relaxada;
Redução da oleosidade da pele, principalmente na zona T (testa, nariz e queixo);
Diminuição das olheiras;
Combate as manchas (todo tipo de mancha);
Aumenta a produção de colágeno, o que contribui para o fortalecimento da pele;
Evita a flacidez.
São estes os benefícios alcançados pelas pessoas que fazem uso do Lift Gold Serum.

FUNCIONA MESMO?
Claro que frente a tantos produtos, a inúmeras receitas e posts nas redes sociais afirmando eficácia contra rugas, a dúvida é certeira.

E isso é uma coisa boa, é importante você tirar suas dúvidas antes de comprar algum produto, por esse motivo segue abaixo algumas informações que compravam a eficácia deste produto.

Bom, já foi visto os benefícios. Por isso é possível afirmar que ele funciona e muito bem, por sinal. Existem inúmeros depoimentos (que serão expressos abaixo) confirmando sua eficácia.

→Para fazer pedido recomendo o SITE OFICIAL!←

Para você ter uma ideia, o Lift Gold Serum começou a fazer sua fama quando artistas do cinema de Hollywood-USA, começaram a contar sobre sua experiência com o produto. A partir de então se começou uma divulgação mais estruturada até chegar ao Brasil.

Como você pode perceber, este não é um produto nacional. Assim sendo sua fabricação foi testada pelos melhores laboratórios e especialistas no assunto e foi aprovado por artistas do maior produtor de cinema mundial. Resta alguma dúvida da sua eficácia?

COMO USAR?
Enfim com tantos benefícios e com a aprovação dos estúdios de Hollywood, é mais do que chegada a hora de lhe apresentar a forma de usar, não é mesmo?

Pois bem, como já dito é um creme que deve ser passado, preferencialmente à noite, quando a pele não terá mais contato com o sol e terá maiores chances de absorver o produto completamente, somente assim que existe uma eficácia no uso.

Outro ponto importante é passar o creme Lift Gold Serum na pele limpa, principalmente quando se trata da pele do rosto. Uma pequena limpeza, com algodão e água, para livrar os poros de qualquer tipo de impureza, é a melhora coisa a se fazer antes de passar o creme, pois somente assim ele poderá adentra a pele e poder realizar seus efeitos de forma plena.

Quero Meu Lift Gold Serum (AGORA!)
.
MERCADO LIVRE (MINHA EXPERIÊNCIA)
Como a maioria dos brasileiros já fiz muitas compras por esse site, porém ao me interessar nesse creme resolvi solicitar o meu por lá também, afinal o preço estava muito mais em conta, infelizmente não sai ganhando.

Não consegui receber meu produto e ao procurar no portal do Reclame Aqui encontrei diversas pessoas com o mesmo problema. Recomendo a compra através do site oficial de Lift Gold Serum.

NÃO É SEGURO!

Lá você irá encontrar diversos pacotes promocionais com descontos incríveis, além disso você conta com todas as informações pra uma compra segura e com garantia.

DEPOIMENTOS
Como já citado, existe uma gama de comentários nas redes sociais, em e-mails recebidos pelo site oficial. Abaixo temos alguns depoimentos:

“Gostaria de deixar essa mensagem para demonstrar minha gratidão e o quanto eu apreciei. Estou impressionada com os resultados que obtive, recebo comentários todos os dias das minhas amigas, do pessoal do trabalho. Até que enfim, depois de anos, eu consegui um creme que funciona de verdade! Mudei de vida, eu recomendo!”

Larissa – Sorocaba

“Eu usei apenas uma vez e o que posso dizer é que foi perfeito! Eu nunca tive em minha bolsa um produto que funciona tão rápido como Lift Gold Serum. É realmente inacreditável. Melhorei meus relacionamentos, minha autoestima. Obrigado pelo desenvolvimento do produto. Eu recomendo para minhas amigas e espero que novas pessoas possam entrar em contato e começar a mudar de vida, assim como eu”

Marcela – São Pedro

“Estou realmente satisfeita. Tentei durantes anos, tantos outros produtos para me livrar do inchaço, rugas e olheira, e nunca tive o resultado esperado. Mas tudo foi diferente, me sinto uns 15 anos mais jovem, em menos de um mês! Obrigado por essa formula maravilhosa!”

Maria – Manaus

Você pode se informar mais. Não deixe essa oportunidade passar diante de seus olhos, garanta já seu creme anti rugas!

MAS QUAL O VALOR?
Pois bem, além de todas essas qualidades e/ou benefícios, possui um preço acessível a nosso bolso. Ele é vendido apenas no site oficial, para poder garantir que nenhum produto falsificado chega a suas mãos.

Lift Gold Serum é em kits, que são:

.
No site oficial do produto você poderá encontrar mais informações sobre os kits e as formas de pagamento.